Bruno Cássio, Autor em Sedis

SEDIS/UFRN divulga Nota de Pesar pelo falecimento de irmã da professora Célia Araújo  

Publicado em 24 de maio de 2024 por

Categorias: Nota de Pesar

Nota de Pesar

A Secretaria de Educação a Distância (SEDIS/UFRN) lamenta, profundamente, o falecimento de Iza Maria de Araújo Sales, irmã da professora Célia Araújo que, durante anos, atuou em nossa Secretaria, ocupando, entre outras funções, a vice-coordenadoria Institucional do Programa Universidade Aberta do Brasil (UAB) no âmbito da UFRN e que, atualmente, é docente do Departamento de Práticas Educacionais e Currículo da UFRN e do Programa de Pós-Graduação em Inovação em Tecnologias Educacionais (PPgITE/IMD).

Nesse momento de dor e de saudades, nos solidarizamos com a professora Célia e demais parentes e amigos.

O sepultamento ocorreu na tarde desta nesta sexta-feira (24), na cidade de Caicó/RN.

Escola Estadual Professora Marta Pernambuco recebe mais de mil exemplares de livros doados em campanha promovida pela SEDIS/UFRN

Publicado em 16 de maio de 2024 por

Categorias: ação solidária educação a distância especial notícias

Por Bruno Cássio – Assessor de Comunicação da SEDIS/UFRN

“Meus avós são agricultores, meus pais também são agricultores e essa escola é importante, por ser perto das nossas casas”. Este é o relato de José Henrique Teixeira, estudante do 2º ano do Ensino Médio da Escola Estadual “Professora Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco”, situada no Assentamento Rosário, zona rural de Ceará-Mirim/RN, região da Grande Natal/RN. A instituição, que abriga 700 estudantes dos Ensinos Fundamental e Médio e da Educação de Jovens e Adultos (EJA), recebeu as doações de uma campanha de arrecadação de livros promovida pela Secretaria de Educação a Distância (SEDIS/UFRN).

A ação foi motivada pela passagem do Dia Internacional da Doação de Livros, celebrado em 14 de fevereiro passado. Durante algumas semanas, o prédio da SEDIS/UFRN, no Campus Central da Universidade, se tornou ponto de coleta desses materiais. As obras doadas contemplam as mais diversas áreas do conhecimento e serão usadas na criação de uma biblioteca na escola, que é voltada à Educação do Campo. A escolha desse estabelecimento de ensino ocorreu em reconhecimento à trajetória de Marta Pernambuco que exerceu as funções de pró-reitora de Graduação da UFRN, de professora do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGED/UFRN), além de ter atuado como defensora do direito à educação para os homens e as mulheres do campo.

Nesta quinta-feira (16), ao entregar o resultado dessa corrente de solidariedade, concretizado com o apoio de diversas instituições públicas e pessoas físicas, a secretária de EaD/UFRN, Carmem Rêgo, destacou que, mesmo após seis anos de falecimento de Marta Pernambuco, os ideais dela permanecem vivos. “Com alergia, a gente traz essa contribuição, pois temos de ter um reconhecimento muito grande do legado de Marta, principalmente, na temática educação no campo, para as pessoas que residem no campo, que conseguem construir sua identidade campesina e que não estão à mercê de escolas de outras realidades”, finalizou.

O diretor da escola beneficiada com as doações, Manoel Felipe da Silva, agradeceu pelo empenho de todos os envolvidos na campanha e enfatizou que “só o conhecimento liberta; os nossos estudantes vão ter um acesso maior aos vários tipos de conhecimentos que a literatura pode disponibilizar e, para nós, hoje, o sentimento é de gratidão”.

 

Representantes da UFRN, UFERSA, UERN e do IFRN discutem ações estratégicas para fortalecer a EaD pública no estado

Publicado em 26 de abril de 2024 por

Categorias: educação a distância evento notícias UFRN

Por Bruno Cássio – Assessor de Comunicação da SEDIS/UFRN

Martins, cidade serrana do Alto Oeste Potiguar, distante cerca de 370 quilômetros de Natal/RN, recebeu, nos dias 22, 23 e 24 de abril de 2024, coordenadores de polos de Educação a Distância e dirigentes de Instituições Públicas de Ensino Superior para participar do III Encontro de Polos e IPES da UAB do RN. As edições anteriores foram realizadas no Campus Central da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), portanto, essa é a primeira vez que um município do interior sedia o evento.

O encontro contou com a presença de representantes da UFRN, da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), do Instituto Federal de Ciência, Educação e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) e da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). “A gente pensou em um encontro em que os polos mostrassem suas ações e seus planos estratégicos para os anos 2024 e 2025”, declarou Hélia Oliveira, coordenadora do Polo UAB de Martins/RN e presidente do Fórum Estadual de Coordenadores de Polo UAB (FecoUAB/RN).

Mesa de abertura com representantes das Instituições Públicas de Ensino Superior. Foto: Bruno Cássio.

Durante os debates, foram discutidas ações interinstitucionais, em benefício dos acadêmicos e da comunidade que vive na região onde os polos funcionam. De acordo com a presidente do Fórum Nacional de Coordenadores UAB das Instituições Públicas de Ensino Superior (ForUAB/Ipes), Edneide Bezerra, essa “é uma ação inédita, onde as quatro instituições que atuam no estado se reúnem para fazer um alinhamento das suas ações e, assim, fortalecer a EaD pública no estado”.

A programação abriu espaço para o compartilhamento de expertises para manter a frequência dos estudantes, como a realização de eventos de extensão, baseados em atividades pedagógicas e culturais. “A gente sabe que a presencialidade dos cursos a distância se efetiva no polo e esse polo precisa ser entendido como um espaço acadêmico que mobiliza o conhecimento e mobiliza a cultura local”, reforçou Carmem Rêgo, presidente da UniRede e secretária de EaD/UFRN.

Sessão de relatos de experiência sobre ações na EaD. Foto: Bruno Cássio.

Segundo Antônio Gomes Nunes, coordenador UAB na UFERSA, “esse é um momento ímpar, porque a gente discute como serão os próximos semestres e como diminuir a evasão nas instituições que oferecem o ensino a distância”. Giann Mendes Ribeiro, diretor de Educação a Distância da UERN, também destacou a relevância desse encontro que, segundo ele, serviu “para tratar das novas ofertas, da organização das vagas e de todo o Sistema UAB no estado”.

 

Recém-formado do Curso de Pedagogia EaD/UFRN recebe medalha de mérito acadêmico

Publicado em 11 de março de 2024 por

Categorias: educação a distância especial histórias da EaD notícias

Por Bruno Cássio – Assessor de Comunicação da SEDIS/UFRN

Aos 29 anos de idade, Lucas Kaluaná conquistou sua terceira graduação. Já graduado em Geografia (bacharelado), em formato presencial, e licenciatura em Geografia, na modalidade a distância, ambos pela UFRN, o jovem decidiu correr atrás do sonho de ser licenciado em Pedagogia, também pela mesma Universidade. Na noite do dia 22 de fevereiro de 2024, além de colar grau na área e ser orador da turma concluinte, ele vivenciou outra grande emoção, por coincidência, no dia do seu aniversário: foi agraciado com a medalha de mérito acadêmico, concedida ao estudante que obtém o maior Índice de Eficiência Acadêmica Normalizado (IEAN), dentre os aptos à colação de grau em um determinado período letivo regular.

Em tupi-guarani, Kaluaná tem o significado de “grande guerreiro” e a trajetória do novo pedagogo está repleta de lutas que ratificam o sobrenome indígena. Morador de Parnamirim/RN, na Região Metropolitana de Natal/RN, ele teve de se descolocar, periodicamente, até o Polo da Universidade Aberta do Brasil (UAB)/UFRN de Nova Cruz/RN, a um pouco menos de 100 quilômetros de distância, para cursar Pedagogia. Conciliando trabalho em uma escola da rede pública de ensino e o tempo dedicado aos estudos no curso superior, Lucas Kaluaná se preparou para as provas de um concurso público da Secretaria Municipal de Educação de Guamaré/RN, na Região da Costa Branca. O esforço surtiu efeito e ele foi aprovado.

“Se não fosse a Educação a Distância, eu não teria chegado até aqui, porque ela proporciona flexibilidade e dinamismo”, afirmou o recém-formado. Na última sexta-feira (01), acompanhamos Lucas Kaluaná em sua ida à Pró-reitoria de Graduação da UFRN para o recebimento do certificado e da medalha de mérito acadêmico. “É muito gratificante, devido a toda essa luta que eu tive durante esse período, dessa jornada incessante que eu tive que conciliar trabalho, estágio e as disciplinas acadêmicas e o sentimento é de extrema gratidão pela Universidade, que para mim é uma segunda mãe”, disse ao celebrar a conquista.

Reportagem em vídeo mostra o momento em que o concluinte do Curso de Pedagogia EaD/UFRN, Lucas Kaluaná, recebe a medalha de mérito acadêmico.

A pró-reitora de Graduação da UFRN, Elda Melo, que participou da solenidade virtual de formatura, fez questão de receber, em seu gabinete, o aluno laureado. A pró-reitora explicou qual a relevância dessa condecoração: “representa um reconhecimento a esse estudante que já tem uma trajetória de grandes dificuldades; a gente sabe o investimento de tempo, o investimento financeiro, são muitos anos dedicados e esse aluno, além de vencer todas essas barreiras, ainda consegue boas notas e ficar com o rendimento acadêmico altíssimo”, esclareceu.

Pró-reitora de Graduação da UFRN, Elda Melo, explica a relevância da medalha de mérito acadêmico para o futuro profissional dos concluintes. Foto: André Gavazza ASCOM/SEDIS.

Elda Melo aproveitou para falar sobre as comparações que são feitas entre as modalidades de ensino presencial e a distância dentro da UFRN. “A Educação a Distância, de fato, é mais difícil porque precisa de autonomia, precisa de disciplina, o aluno tem que ser muito aplicado para apreender os conteúdos e interagir com a máquina”, afirmou a gestora responsável pelo ensino de graduação da UFRN, que também é graduada em Pedagogia pela Universidade. Motivado pelas palavras proferidas pela pró-reitora, Lucas Kaluaná anunciou os planos para o futuro: “quero ingressar na pós e iniciar o meu mestrado”.